Como Otimizar Sua Linha de Produção? Saiba Aqui!

Toda produção industrial deve estar organizada em uma linha de produção, de forma padronizada e com seus processos bem definidos. Dessa forma, é possível compreender e analisar a produção de forma geral, detectando possíveis pontos de correção.

Assim, pode-se aumentar a produtividade, gerar maior lucro e produtos de melhor qualidade. Dessa forma, elevando a competitividade do que é fabricado. Para que os resultados obtidos sejam aprimorados, deve-se otimizar a produção, gerando produtos de maior qualidade e em maior quantidade. Isso deve ser feito evitando desperdícios, para que o gasto na fabricação seja reduzido.

Nesse contexto, um dos elemento essenciais  é o Layout Industrial. Ele garante melhor fluxo da mercadoria e de pessoas, dentre outros benefícios. Com isso, podemos atingir o tão sonhado ideal de produzir mais e melhor gastando menos. Mas a grande questão é: “em quais pontos devo atuar para otimizar minha produção?“.A resposta é simples: todos os seguimentos da empresa podem ser otimizados, de diferentes formas. Continue a ler para saber quais são os principais pontos de atenção a serem levados em consideração para aumentar eficiência produtiva.

 

EVITE O DESPERDÍCIO NA SUA LINHA DE PRODUÇÃO

É muito fácil perceber os prejuízos causados pelo desperdício durante a fabricação. A produtividade é reduzida drasticamente, afetando o lucro da empresa. Além disso, gastos desnecessários com materiais, transporte e estocagem resulta no aumento do dinheiro desembolsado.  

Ícone de uma lata de lixo transbordandoÉ necessário ressaltar, porém que existem diversos tipos de desperdícios, e otimizar a produção envolve identificá-los e amenizá-los.  A existência de um Layout de qualidade pode evitar, por exemplo, desperdícios de dinheiro e de tempo relacionados ao transporte de matérias prima e ao deslocamento de mão de obra na linha da produção.

Um mapeamento da linha de produção permite visualizar, com maior precisão, pontos de atuação, que garantem impulsionar os resultados. Como exemplo de sistema de produção, temos o Toyotismo. Essa metodologia foi pensada no Japão, no início da década de 70 e tem como foco a redução do desperdício, aumentando a disponibilidade de recursos e, consequentemente a capacidade produtiva.

BUSQUE MELHORAR CONTINUAMENTE A PRODUÇÃO

Uma característica relevante do lean manufacturing, sinônimo do sistema de fabricação japonês, é a busca contínua por melhorias. Isso significa conhecer os processos utilizados e aplicar esforços para seu aperfeiçoamento dia após dia. Para que isso seja possível, todos os estágios de montagem devem ser afetados, afetando diretores, gerentes e operários.

Essa metodologia, conhecida por Kaizen, que faz parte do modelamento japonês, é aplicada atualmente nas indústrias mais bem-sucedidas do mundo. A busca pelo aperfeiçoamento deve ser constante. Essa busca envolve, além das matérias primas utilizadas, a qualificação da mão de obra.  Como resultado, há uma progressiva melhora na qualidade do que é entregue ao cliente. Isso fará também com que a empresa se torne mais competitiva no mercado.

Metodologia Kaizen. Planeje (Plan), Execute (Do), Verifique o Resultado das Ações (Check) e Aplique Ajustes (Act).
Metodologia Kaizen. Planeje (Plan), Execute (Do), Verifique o Resultado das Ações (Check) e Aplique Ajustes (Act).

 

O Kaizen pode ser aplicado em qualquer corporação. Sendo assim, independe da quantidade de funcionários e de seu tamanho. Porém, a despeito dessa flexibilidade, essa metodologia não deve ser aplicada de forma isolada. Os resultados gerados serão melhores quando adotada em conjunto com outros recursos, como os citados no texto.

ESCOLHA BONS FORNECEDORES

Um ponto essencial para garantir a qualidade  e a satisfação dos clientes é o emprego de matérias primas de qualidade. Para que isso seja possível, é necessário contar com fornecedores de qualidade. As características da matéria prima influenciam em todas as etapas de produção e, principalmente, no resultado final obtido. Além de garantir a natureza dos produtos usados, contar com bons fornecedores também garante cumprimento de prazos e facilidade de comunicação.  

Ícone - mão com objetio em cima, representando fornecedorPara encontrar bons fornecedores, deve-se pesquisar bastante, entender quais são as características primordiais que o produto deve ter. Além disso, devem ser avaliadas e comparadas diferentes opções  nos aspectos mais essenciais para sua empresa e seu produto.

A busca por fornecedores é contínua, mesmo após de fechar alguns contratos, deve-se  manter relacionamento com uma boa quantidade deles. Assim, você pode ficar por dentro das novidades e conseguir materiais de melhor qualidade e com preços mais baixos.

 

 

EVITE A SUPERPRODUÇÃO

A superprodução é um tipo de desperdício que merece uma atenção especial. Ela pode gerar maiores gastos com transporte, deslocamento, estocagem, dentre outros. A preocupação em evitar a superprodução ganhou destaque com a catástrofe financeira resultante da crise de 29. O colapso financeiro, que estourou nos Estados Unidos, se tornou global e levou à falência milhares de empresas. A partir de então, houve a preocupação em evitar essa situação, estratégia adotada pelo método Toyota de linha de produção.

Sinal de atençãoSabendo que estoque parado significa desperdício de dinheiro, deve-se analisar constantemente o mercado para avaliar a quantidade a ser produzida. A demanda de clientes é um dos fatores essenciais a serem analisados na hora de definir a capacidade da linha de produção. Assim, evita-se que haja excesso de mercadoria.

 

ATUALIZE SUA LINHA DE PRODUÇÃO

Como consequência dos avanços tecnológicos, atualmente os produtos se tornam obsoletos cada vez mais rápido.  Dessa forma, para garantir a competitividade, deve-se atentar às tendências de mercado em relação à aplicação de novas tecnologias.

Duas setas curvas na cor verde, formando um cicloPara que isso seja possível, deve-se atualizar o maquinário, instruir os operários, utilizar bons softwares e aderir a processos inovadores.  O emprego de novas tecnologias na linha de produção pode evitar gastos com reparação de equipamentos.

Evita-se também, dessa forma, a fabricação de mercadorias defeituosas, reduzindo o desperdício de material e de mão de obra. Além disso, por meio dessas estratégias é possível atuar sobre a velocidade e sobre a qualidade da produção.

MANTENHA UM BOM PADRÃO DE QUALIDADE

Para agradar o cliente e ter bons resultados de vendas, é essencial manter um elevado padrão de qualidade dos produtos. Para que a excelência seja alcançada, deve-se preocupar com o resultado de  cada etapa do processo produtivo.

Para que isso seja alcançado, os padrões de cada etapa devem ser bem estabelecidos. Além disso, os responsáveis pela sua execução devem ter total consciência do Símbolo - Qualidaderesultado que  deseja-se alcançar.

Assim, evita-se falhas na produção, ou seja, desperdícios por peças defeituosas. Observa-se, portanto, que a busca pela excelência afeta diretamente o gasto de produção e, assim, o lucro obtido. Somado a isso, a redução de falhas nos estágios de fabricação facilita o processo. Isso ocorre pois não é necessário descartar produtos ou corrigir erros anteriores.

MANTENHA O FOCO EM METAS E RESULTADOS

Para garantir bons resultados com o trabalho na linha de produção, é muito importante que sejam estabelecidas metas. Elas devem ser individuais, relacionados ao trabalho desenvolvido por cada funcionário, e também gerais, associados ao trabalho da empresa em conjunto. Para que se obtenha sucesso com a implementação de metas alguns pontos devem ser considerados:

  •     As metas estabelecidas não podem ser vagas e sujeitas á subjetividade de interpretação. Elas devem ser específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e temporais, ou seja, com um tempo determinado para ser cumprida.
  •    As pessoas devem ter consciência das metas, tanto as individuais quanto às gerais, e devem cobrar seu cumprimento. Para isso, É preciso que  a empresa compre as metas, envolvendo a implementação de uma cultura voltada para resultados.
  •    As metas devem ser acompanhadas. Várias ferramentas possibilitam tal acompanhamento pelos responsáveis e, para que a empresa toda tenha noção dos resultados alcançados, quadros de gestão à vista e outros recursos podem ser utilizados.

 

É possível perceber como a otimização da linha de produção potencializa os resultados alcançados. Evitando desperdícios e despendendo esforço para os processos mais importantes, eleva-se o padrão de qualidade reduzindo o custo de produção. Para que esse processo seja eficiente, ele deve ser contínuo e

Ficou interessado em promover a otimização da sua linha de produção? Entre em contato com a gente!

 

Deixe uma resposta!

%d blogueiros gostam disto: