Gestão Industrial: os 6 problemas mais comuns que empreendedores enfrentam

Fábrica vista por fora durante o dia

A gestão industrial é com certeza um grande desafio para os gerentes, diretores ou responsáveis pela produção. Entretanto, ela é necessária para garantir que cada etapa da produção e todos os setores funcionem adequadamente. E para que, assim, os objetivos e metas da empresa sejam alcançados.

Em um cenário cada vez mais competitivo, é muito importante antecipar possíveis problemas durante a produção de um determinado produto. Dessa maneira, se você fizer isso, terá uma grande vantagem frente ao mercado. 

Para te ajudar nessa tarefa, de gerenciar a indústria, preparamos esse artigo com os 6 problemas mais comuns que empreendedores enfrentam na gestão industrial.

 1. Falta de planejamento da produção

O planejamento da produção é extremamente essencial para evitar possíveis problemas. Sem uma estratégia definida, a sua indústria poderá enfrentar diversas dificuldades durante o processo produtivo. Por exemplo, a falta de matéria prima, baixa eficiência, pouca produtividade, alta geração de resíduos e diversos outros. Entretanto, planejar a produção não é uma tarefa simples de ser realizada, mas com algumas dicas ela pode ser descomplicada.

A primeira atitude a ser tomada, em vista a realizar uma boa gestão industrial, é conhecer bem a sua empresa. Para isso, uma análise do histórico de produção é importante para identificar períodos sazonais em que a demanda é maior. Geralmente, o número de pedidos dos clientes segue um padrão e a sua produção deve seguí-lo também. Além disso, é necessário entender bem cada processo, mapeando a sua produção, para, assim, conhecer cada etapa dela. Essa ação vai agilizar a resolução de possíveis problemas possibilitando agir de forma antecipada.

2. Dificuldade de encontrar fornecedores eficientes

Para que a produção de uma indústria seja fluida e funcione sempre, é importante que os fornecedores sejam confiáveis. Dessa forma, as empresas que forem fornecer insumos para a sua indústria devem ser bem recomendadas e muito pesquisadas antes de contratadas. Se essa cautela for tomada, dificilmente os seus fornecedores entregarão materiais sem qualidade ou fora do prazo.

3. Falta de manutenção das máquinas e equipamentos

A falta de manutenção das máquinas e equipamentos pode ser a causa de paradas recorrentes na sua linha de produção. Essas paradas são extremamente prejudiciais para a produtividade da sua empresa e para a pontualidade da entrega para o cliente. Na maioria das vezes, essa falta de manutenção é decorrente de um planejamento ruim, já que manutenções periódicas são essenciais.

É válido ressaltar que reparos de emergência podem aumentar consideravelmente os custos. Além disso, equipamentos com defeitos produzem muito mais resíduos. Sendo assim, é essencial que os responsáveis pela gestão industrial garantam que as máquinas estejam bem preservadas em cada etapa da produção.

4. Layout mal planejado

O layout da fábrica deve ser feito pensando-se na facilitação do processo produtivo. Dessa forma, é importante sempre se lembrar de que uma menor circulação dentro da unidade produtiva é benéfico para a produção. Sabe-se disso pois um bom layout reduz gastos com deslocamento de material, pessoas e produtos. Outros benefícios do bom uso do layout industrial incluem a otimização do espaço disponível e a facilitação de supervisão. 

Se você acha que o layout industrial da sua empresa merece uma revisão e você quer saber um pouco mais sobre o assunto, veja aqui.

5. Mau armazenamento e gerenciamento de informações

Ter a informação desejada no momento ideal pode ser um fator essencial para otimizar o processo produtivo. Muitas empresas sofrem com a falta de informações internas ou com a dificuldade de encontrar e gerir as informações obtidas. Dessa maneira, esses fatores dificultam a análise da situação da empresa e, consequentemente, a tomada de decisões é prejudicada devido a falta de embasamento. 

É muito importante que uma companhia mantenha seus dados completos e bem organizados. O objetivo disso é ter acesso a eles com facilidade, sejam eles físicos ou digitais. Garantir que as informações corretas cheguem às pessoas certas é uma ótima maneira de aprimorar a gestão industrial.

6. Atraso na entrega do produto para o cliente devido à má gestão industrial

 O atraso na entrega do produto é um sintoma de problemas nas outras partes da empresa. Geralmente, é a consequência de empecilhos como os citados acima. Contudo, é válido reconhecer que os problemas podem ser também relacionados ao pessoal da empresa. A falta de interação entre os membros, a má convivência e a falta de treinamento adequado podem estar trazendo prejuízos que você não imaginava.

O atraso gera grandes problemas em relação a imagem que a empresa transmite ao cliente. É comum demandas ocorrerem por indicação e, com a insatisfação do cliente com a entrega, esse processo pode ser fragilizado. Ou seja, os frequentes atrasos podem levar à falta de confiança do cliente.

 

Muitos problemas aparecem na gestão industrial de uma empresa, ressaltam- se principalmente a falta de planejamento e má gestão de informações. Apesar de bem desafiadores à primeira vista, eles podem ser sanados se forem bem assessorados. A orientação de uma consultoria é muito interessante e apresenta soluções inovadoras. Quer saber mais? Possui algum problema e quer que ele seja resolvido? Entre em contato com a gente! 

Deixe uma resposta!

%d blogueiros gostam disto: